Haja Luz - Editora Viseu
Olá, visitante! Login ou Cadastro |

Haja Luz

- Constantino Ferreira (ver perfil)

- Francisco Zeferino (ver perfil)

Este trabalho resulta de apontamentos para responder a algumas questões postas pelos nossos estudantes no Instituto Bíblico, outros resultaram da minha leitura diária...

Adquira em outras lojas

Compartilhar:  

Descrição do Livro

Este trabalho resulta de apontamentos para responder a algumas questões postas pelos nossos estudantes no Instituto Bíblico, outros resultaram da minha leitura diária, durante a qual selecionei os temas julgados importantes para juntar aqui.
É, por conseguinte, uma miscelânea de temas avulso, embora separados no índice em capítulos especiais segundo a característica dos respectivos livros bíblicos. Primeiramente, estão divididos em duas secções maiores: Antigo Testamento e Novo Testamento.
Então vem a divisão por capítulos. Por exemplo, na primeira secção, classifiquei os primeiros cinco livros da Bíblia como ‘Princípios’. Depois, denominei os seguintes como ‘Profecia’. A seguir ‘Salmos e Provérbios’. Na segunda secção temos ‘Evangelhos’, seguidos por ‘Actos do Espírito’ e ‘Epístolas Apostólicas’.
Visto que a melhor Hermenêutica é permitir que as Escrituras interpretem a si mesmas, optei por inserir os textos dos escritores bíblicos como explicação do respectivo tema. E, além disso, torna-se desnecessário consultar as referências na Bíblia. Somente adicionei breves comentários, aqui ou ali, a pretexto de ligação dos respectivos trechos bíblicos.
Embora seja uma leitura dirigida ao leitor comum, espero que a mesma seja útil a todos os estudantes das Sagradas Escrituras, sobretudo aos ministros mais novos, e recentemente graduados em Escolas Bíblicas.
O texto foi elaborado em resposta a várias questões apresentadas ao longo do mesmo, conforme alguns exemplos.
Questão: Que imagem é essa que o homem recebeu de Deus? Imagem física não pode ser porque Deus não contém físico. Por conseguinte, só poderá ser imagem espiritual, moral, criativa e administrativa.
Questão: Será possível, de alguma maneira, alguém ser como Deus? De acordo com o trecho supra parece que a luz recebida pela abertura dos olhos faria deles um casal semelhante a Deus. Esta ideia, que proveio de alguém que tinha este interesse, conduziu a humanidade à queda e à ruína. O tal apresentou-se na forma de serpente, inofensiva, e desta forma enganou o primeiro casal humano. Mas jamais será possível ser como Deus, nem, tampouco, ser pequenos deuses.
Questão: Quem são os filhos de Deus e os filhos dos homens? Donde provêm e o que os distingue dos filhos dos homens?
Questão: Afinal, Deus arrepende-se como o homem? Deus não tem necessidade de arrependimento pelas suas ações porque “Deus não é homem para que minta; nem filho do homem para que se arrependa. Porventura, tendo ele dito, não o fará? ou, havendo falado, não o cumprirá?” (Nm 23:19). Esta é a primeira menção acerca do arrependimento de Deus, que nos traz um problema, o qual procuraremos resolver.
Questão; Quem eram aqueles varões que apareceram a Abraão? Seriam terrenos ou celestiais? Humanos ou espirituais? Embora não tenhamos uma pista clara, temos, contudo, alguma indicação de que Deus visitara Abraão. Então, quem seriam os acompanhantes? Mensageiros humanos de
Deus? Por que precisavam descansar, de lavar os pés, e de comer? Por que somente dois foram a Sodoma, enquanto Abraão conversava com Deus?
Questão: Sendo Deus bom, como é possível que tenha matado e mandado matar, não somente o filho de Abraão, mas outras pessoas noutras ocasiões?
Questão: É estranho que um pequeno arbusto estivesse envolvido em chamas sem se consumir. O que teria acontecido de anormal, e como aconteceu? Sabemos que esse facto atraiu Moisés a aproximar-se para observar melhor e, como resultado, ouviu a voz de Deus. Porém, não o viu em lado algum. Então, por que motivo Deus se revelou por meio do fogo?

Ficha Técnica

ISBN 9788554547530
E-ISBN 9788554548070
Páginas 254
Edição número 1
Edição ano 2018

Newsletter

Quer ficar por dentro de nossas novidades? Assine nossa newsletter.

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!